Qual a importância da gestão de SST nas empresas?

Qual a importância da gestão de SST nas empresas?

Toda empresa deve se preocupar com a saúde e o bem-estar de seus funcionários. Mais do que uma questão de obter lucro, reter talentos, aumentar a competitividade, crescer no mercado e manter o bom nome da marca, é uma questão de bom senso e humanidade.
O que é o SST?
Por isso algumas empresas adotaram o SST, sigla que significa Segurança e Saúde no Trabalho. São procedimentos legais estabelecidos aos empregados e empregadores com o intuito de cuidar da saúde e diminuir as chances de acidentes durante o expediente ou de doenças ocupacionais.
Outro dado importante de levar o SST para as organizações é o aumento da expectativa de vida. Viver mais tempo e com menos qualidade não é bom para a Previdência, nem para as companhias e nem para o colaborador.
Por que o SST é de grande importância para a empresa?
Sabemos que doenças e acidentes podem atrasar a produção nas empresas e isso é preocupante. Por isso o setor de SST se faz importante para promover melhorias e manter a integridade das pessoas.
Serve para identificar a origem e as ocorrências dos problemas, mas também para preveni-los, promovendo um ambiente mais seguro e saudável.
Evita que os mesmos problemas se repitam, consequentemente, causem os mesmos efeitos negativos. Para isso, as organizações contam com o trabalho de um Técnico ou Engenheiro de Segurança do Trabalho que pensa ações para melhoria contínua, uma avaliação do ambiente para poder organizar e implementar o setor.
Quais os benefícios de ter o SST na sua empresa?
– Produtividade: funcionários saudáveis e felizes produzem mais;
– Redução de custos: um ambiente saudável diminui as chances de doenças, isso diminui custos com medicamentos, médicos, afastamentos, processos judiciais e até de matéria-prima, pois há menos erros e retrabalhos na produção;
– Valorização da imagem: quando o colaborador se sente bem no local de trabalho, ele passa essa imagem para os clientes e isso melhora o nome da companhia dentro do mercado. A marca apresenta-se como séria e comprometida, que visa à saúde além do lucro. Ter SST é vital para combater riscos e contribuir com a saúde da empresa.
Quais as informações de SST que devem ser enviadas para o eSocial?
Para facilitar a fiscalização do governo e as tomadas de decisão para conclusões jurídicas nos tribunais de competência, o eSocial junta diversas informações em um mesmo sistema e sobre o SST é preciso constar os seguintes eventos:
– S-1060 – Ambiente de trabalho;
– S-2210 – Comunicação de Acidente;
– S-2220 – Monitoramento da saúde do trabalhador;
– S-2240 – Condições ambientais do trabalho / Fatores de risco;
– S-2241 – Insalubridade, Periculosidade e Aposentadoria Especial.
Gostou do texto? Veja como a Dual pode te ajudar a implantar o SST na sua empresa. Acesse o nosso site e contate-nos!

Leia também: As 10 ideias sustentáveis para você aplicar na sua empresa em 2019

No Comments

Post A Comment

× Como podemos ajudar?